quarta-feira, 27 de março de 2013

Eterna criança


Que seja assim
Vivamos assim
Mesmo depois de velho
Crianças assim

Que as rosas não morram
Teus beijos não cessem
Que haja vergonha
De ser namorados


Que haja segredo
Que seja escondido
Na foto escurecida
Ou no jardim florido

Que viva o silêncio
O sorriso escondido dos pais
A dor por não ter você
Por ser criança demais

Nenhum comentário: