terça-feira, 12 de junho de 2012

nossa melodia

versos se incapacitam
a voz não quer sair
o suspiro entrega o silêncio
você quer me beijar

qualquer que seja a batida
a música vai tocar
e no silêncio grudado a você
seus olhos insistem em fechar

este é o nosso som
dois corações a pulsar
onde existimos e não sabemos
num mundo de magia à borbulhar


que seja aquela música
a nossa música
a canção de abrigo
suas notas faz-me voar