sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

disfarce

sou um palhaço
do circo de praça
sorrindo a tristeza
dum homem que passa

tristeza minha
riso que passa
ontem vi aquele homem
do riso se fez a desgraça

palhaços em cena
só um vazio assiste ao espetáculo
há quem arrisque descer do palco
pra assistir a cena onde o riso mata

então vou sorrir
chega de tanto chorar
talvez o sorrir esconda meus monstros
talvez os palhaços queiram chorar

Nenhum comentário: