sexta-feira, 23 de setembro de 2011

um momento desolação

nada se esconde de um menino.
nada tratamos se não podemos
ou nunca sabemos.
nunca mentimos
o que pra nós
devera ser
a tal verdade
tudo se faz a um homem
que morre por dores internas
por falta de alguém
por um mundo que desespera
somos assim mesmo
somos isso
o que vc acabou de encontrar
louco
insano a ponto de se entregar
a verdadeira paixão
ao ódio eterno
de nunca poder ter amado
um fim aos que limitam sortes
aos que nunca valorizam o amor
sorte aqueles que nunca desistira
mesmo sabendo
que tudo na vida
é um frame do do tal sonhar

Nenhum comentário: