sexta-feira, 29 de julho de 2011

tchau não declarado

não tenho flores
tenho verdades
deixo minha mala
ou sigo viajem

vim despedir-me
mas não posso fazer
não acredito que vou partir
partir-me se não puder te ver

vou mesmo assim
nada pude acertar
esse é o sinal de que amo
de que ainda posso voltar

tchau
simples tchau
beijos a quem torce o braço
a quem insiste num tchau

vou seguir seus conceitos
esqueça que passei por aqui
fique com Deus
é triste ter que partir

Nenhum comentário: