quarta-feira, 6 de julho de 2011

distância do escuro

então pude dizer adeus
a tudo que eu sonhara
dois passos distantes
do que agora penso
duas milhas de sonhos perdidos
milhas e milhas aqui da janela
distante a um ponto de me concentrar
guardando o segredo das nossas mentiras
a alguns passos de onde quero chegar
certo de onde estou
longe de onde almejo chegar
a uma distância de sentimentos
nas notas dançante ao sigilo
na canção de você minha mulher
a milhas e milhas
tudo que o horizonte não pôde mostrar
janela dos sonhos que me atreva
a milhas e milhas
a passos de me alcançar

Nenhum comentário: