domingo, 26 de junho de 2011

declaração homem (P1)

quando eu ainda mentia
e tudo eu queria esconder
não consegui manter o segredo
hoje eu afirmo que amo você

não faz mal me declarar
isso muito me satisfaz
agora entreguei a rainha sigilo
agora não sei do que sou capaz

não acredito que você me ouviu
o meu sonho era me declarar
e eu menti quando você perguntou
hoje há espaço pra não duvidar

seu olhar sempre me convidou
e você sempre tentou o disfarçar
de cabeça baixa dizia ser esquecida
mas nunca deixou de me convidar

não minta pra mim
você insiste em não gostar
eu também tive medo quando falei
agora é o momento de se declarar


Nenhum comentário: